Dicas e truques para você e sua bike

Os equipamentos básicos para andar de bike são:

- Capacete
- Luva
- Bermuda
- Bolsa para selim
- Camisa de ciclismo

E também os itens do kit de segurança que acompanham a bicicleta como:

- Espelho retrovisor
- Campainha
- Refletores traseiro, dianteiro e das rodas.
 

Como Fazer a limpeza na minha bike? 
  
Limpeza: ao limpar sua bicicleta, não use jato de água ou máquinas de jato pressurizado, apenas água limpa com detergente ou sabão neutro, enxágüe bem todas as partes e evite jogar água nas peças que possuem rolamentos (todas que possuem movimento giratório, tais como movimento central, movimento de direção, cubos e roda livre/catraca) o que estão sujeitas a atrito.

Para corrente e pinhões da roda livre, use pincel embebido em querosene, passando um pano limpo depois para retirar o excesso, e seque todos componentes, Depois, siga o mesmo procedimento para a lubrificação.

a) Bicicletas em praia: um dos maiores causadores de corrosão é a da deposição de sal e areia das praias nos componentes da bicicleta. O sal é responsável pela aceleração da corrosão, e a areia faz o papel de abrasivo (agente mecânico de desgaste), para evitar isso, é necessário que você limpe a bike com água após o uso e depois seque-a com um pano.

b) Nunca deixe a bicicleta em locais úmidos por muito tempo para evitar a corrosão dos componentes, aplique um anticorrosivo do tipo WD-40 (cuidado para não atingir os aros e sapatas de freio) e procure não manter a bicicleta sustentada pelos pneus, para evitar ressecamento
 

 

Como fazer a lubrificação da minha bike?
 
Lubrificação: para maior conservação da corrente, roda livre e conduítes de freio e câmbio, lubrifique-os a cada três meses com óleo lubrificante (recomendamos óleo SAE-30 ou óleo específico para bicicletas), nas áreas sujeitas a desgaste. Se você utiliza muito a bicicleta, faça isso mais freqüentemente, para assim evitar que seus componentes se desgastarem rapidamente. Se você utiliza sua bicicleta em locais úmidos, essa lubrificação deverá ser feita logo após o uso.

Na corrente, passe uma fina camada de óleo, suficiente para a penetração nos elos.

É de extrema importância que seus rolamentos não fiquem endurecidos pela falta de graxa ou óleo lubrificante, para isso, precisam ser periodicamente (de acordo com o uso) abertos e engraxados em qualquer oficina da Rede Autorizada Caloi, com este procedimento você manterá sua bicicleta em ordem por vários anos.

 

Qual a altura ideal do guidão?   

A regulagem depende do modelo da bicicleta, nas de competição (speed),quanto mais baixo o guidão, melhor o perfil aerodinâmico do ciclista. Nas mountain bikes o guidão deve estar entre 2 e 4 cm mais baixo que o selim pois é uma posição que oferece bom perfil aerodinâmico sem forçar a região lombar.

Guidão muito alto aumenta a pressão do ciclista sobre o banco, provocando desconforto na região pélvica. Guidão muito baixo faz com que o peso se desloque para frente, forçando os braços, provocando dores lombares e dificuldade para respirar.

 

Qual a regulagem ideal da altura do selim (banco)?  
  
Altura do selim: quando o selim é ajustado na altura correta, você obterá a potência máxima de suas pernas, minimizando os danos aos joelhos, se o selim estiver muito baixo, você poderá desenvolver problemas nos mesmos, se sua bacia (cavalo) se move de um lado para o outro conforme você pedala, seu selim está muito alto, isto causa esforço desperdiçado e causa muita pressão em sua bacia.

Para verificar a altura do selim, sente-se no mesmo e com seus pés nos pedais na posição de seis horas, sua perna deve estar ligeiramente dobrada, não completamente esticada, para verificar a extensão correta, coloque seu calcanhar no pedal, agora sua perna deve estar completamente esticada (uma pequena folga é aceitável, contanto que não faça com que a perna se estique completamente, quando repetir a primeira verificação).

Inclinação do selim: esta regulagem é amplamente uma questão de preferência pessoal mas um selim grosseiramente mal ajustado pode trazer problemas ao seu corpo.

A melhor coisa a fazer é regular a altura do selim e pedalar sua bicicleta alguns quilômetros, se sentir muita pressão em sua bacia (cavalo), abaixe levemente a ponta do selim, se sentir que está escorregando para frente conforme pedala, levante o nariz do selim levemente, no entanto, tenha cuidado, um selim que aponta muito para baixo, pode causar danos aos cotovelos e pulsos (transfere muito peso aos seus braços), e outro inclinado para cima, irrita a próstata (períneo) do Homem, a boa notícia é que este ângulo é tão desconfortante que ninguém consegue pedalar muito tempo sem conserta-lo

 

Qual a calibragem ideal para o pneu da minha bicicleta? 
   
Normalmente a calibragem mínima e máxima vem marcada na banda lateral do pneu (siga sempre a especificação do fabricante), sugerimos as seguintes calibragens para os respectivos modelos: Mountain Bike de 35 a 45 PSI (Pressão interna do pneu)

- Speed de 100 a 120 PSI
- Aro 16" de 20 a 25 PSI
- Aro 20" de 20 a 35 PSI

Vale lembrar que, a pressão a ser usada nos pneus depende muito do peso do ciclista, do tipo de pneu, das condições atmosféricas, do piso e do uso que se vai fazer. 

Share
 


  Parceiros da Equipe Volare

Banner
Banner